Voa, Maria – Empreendedorismo Feminino

Cardápios artesanais: a solução criativa de Glória Viana para manter a dieta dos clientes

Home  >>  Estrelas  >>  Cardápios artesanais: a solução criativa de Glória Viana para manter a dieta dos clientes

Cardápios artesanais: a solução criativa de Glória Viana para manter a dieta dos clientes

On Março 15, 2016, Posted by , In Estrelas, With No Comments

O que fazer quando você, especialista que é, monta o roteiro de próximos passos para os seus clientes, mas, por um motivo ou outro, eles não conseguem seguir o que você planejou? As coaches e consultoras devem sofrer bastante por isso. E Glória Viana, que não atua com consultoria, sabe bem o que é isso. Nutricionista clínica funcional, a empreendedora de 33 anos decidiu ampliar sua atuação para que seus clientes pudessem seguir suas recomendações à risca.

Desde a formação, Glória atuou em consultórios e também em atendimento domiciliar. Porém, diante da grande dificuldade que seus pacientes tinham em seguir suas recomendações, por falta de tempo ou falta de habilidade na cozinha, ela decidiu investir na Pitaya Gastronomia Funcional. “Somos uma cozinha artesanal delivery, em que produzimos pratos congelados sob encomendas com foco em uma alimentação saudável, sem glúten, sem laticínios, integrais, para praticidade do dia a dia com o sabor de refeições caseiras sem conservantes e aditivos químicos artificiais”, define.

Glória lembra que cozinhar faz parte da sua rotina desde a infância, já que além das idas ao supermercado com a mãe, ela também sempre apreciou apreciar cardápios de restaurantes. “Juntando o prazer em cozinhar e a falta de tempo que via tanto em consultório como de conhecidos em elaborar refeições rápidas, saudáveis e saborosas decidi abrir o meu negócio”, continua.

Decisão tomada, a primeira atitude da nutricionista foi se especializar em gastronomia funcional. Em seguida, teve de lidar com a sua maior dificuldade: gerenciar equipes. “Abrir uma cozinha e trabalhar com funcionários não é uma coisa muito fácil, porém decidi fazer um negócio pequeno e com poucos funcionários para que não me dessem tanto problema e eu conseguisse estar na cozinha trabalhando com eles e fazendo um cardápio artesanal como num pequeno bistrô”.

Outro ponto que, segundo a empreendedora, deve ser muito bem administrado por quem sonha em investir em um negócio gastronômico é o custo. Assim, Glória orienta que as empreendedoras tenham organização e planilhas de custos para tudo e os resultados virão. “O mais gratificante é ver o resultado em consultório das dietas e dos planos alimentares que eu monto com os meus pratos na saúde deles”, conclui.

 

Deixe uma resposta

Ir para a barra de ferramentas