Cinco razões para investir em uma loja virtual

Nunca foi tão vantajoso investir no e-commerce como agora. De acordo com a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico, até o final desse ano, o e-commerce deve crescer 18% e faturar R$ 56,8 bilhões. O ano deve registrar 190,9 milhões de pedidos nas lojas virtuais, com um ticket médio de R$ 298.

Por isso, os visionários que apostaram em 2016 como ano do e-commerce vão se dar bem, mas quem ainda não apostou suas moedas em uma loja online, essa é a última chamada. Para Luan Gabellini, sócio-fundador da Betalabs, empresa especializada em gestão de e-commerce, é preciso se organizar, estudar o mercado, escolher um nicho e colocar a ideia em prática para aproveitar os ventos favoráveis.

Confira cinco razões para empreender em uma loja virtual:

Datas sazonais em alta

Nos últimos anos o segmento de lojas virtuais vem apresentando bons números e, mesmo diante da crise, continua a crescer. O comércio eletrônico já considera a Black Friday como a segunda data mais importante para o varejo, atrás do Natal e a frente do Dias das Mães, de acordo com pesquisa realizada pela ABComm. Até o final do ano, o crescimento deve chegar a 18% em relação a 2015.

Plataformas que auxiliam na gestão do e-commerce

Montar um e-commerce há alguns anos atrás era difícil. Existiam poucas plataformas no mercado e poucas se adaptavam de acordo com seu negócio. Atualmente, há plataformas customizadas e que ajudam do começo ao fim na gestão. Ter uma boa plataforma se tornou vital para garantir a competitividade da empresa junto aos seus principais concorrentes de mercado.

Vendas no Brasil e no mundo

Lojas virtuais possuem, literalmente, alcance global e permitem que a empresa e seus produtos sejam encontrados e comprados por consumidores, que por outros meios seriam praticamente inalcançáveis. Dentro da política de frete, é possível definir os lugares de entrega e oferecer um leque de oportunidades ao consumidor. Para quem quer abrir um e-commerce, o céu não é mais o limite!

Fortalecimento da marca

Diretamente relacionado ao alcance, uma loja virtual é, por si só, um excelente instrumento para divulgação e fortalecimento de sua marca ou produtos. Aliada a estratégias de marketing eficientes e ao uso inteligente de recursos como redes sociais, uma loja virtual tem muito a contribuir para a imagem do negócio.

Custo inicial baixo

A tecnologia para o desenvolvimento de lojas virtuais se torna mais acessível a cada dia e o empreendedor de hoje pode contar com um vasto leque de funcionalidades e recursos para seu negócio. As plataformas são flexíveis adaptáveis para negócios complexos, permitindo que se trabalhe com atacado, varejo, serviços, B2B, produtos personalizados e clubes de assinatura, além de oferecer uma série de módulos e integrações exclusivas.

Fonte: Betalabs – NB Press

Profile photo of Camila Silva

About Camila Silva

Jornalista especialista em contar histórias de superação. Feminista, sonha em criar um mundo mais igualitário e justo para as mulheres por meio da informação. Além do Voa, Maria, está à frente da Maria Comunica, agência de comunicação pautada por resultados e relacionamento.