Voa, Maria – Empreendedorismo Feminino

Renata Bastos: “Quis empreender para ser criativa”

Home  >>  Estrelas  >>  Renata Bastos: “Quis empreender para ser criativa”

Renata Bastos: “Quis empreender para ser criativa”

On Julho 19, 2016, Posted by , In Estrelas, With No Comments

Formada em Publicidade, Renata Bastos não trocou o mercado corporativo por conta da maternidade. Mas escolheu continuar atuando no segmento de eventos, o qual ela soma 20 anos de experiência, para ser criativa e dedicar a manhã aos três filhos.

Assim que se tornou mãe, aos 27 anos, a então publicitária optou por deixar de trabalhar. Porém, depois de quatro anos, ela teve de criar alternativas para voltar ao mercado por conta do divórcio. “Precisava ter alguma renda para criar meus filhos. Às vezes, temos dificuldades em lidar com todas as nossas demandas, mas trocar minha vida corporativa para ter uma empresa foi uma sacada boa”, conta.

Além da flexibilidade de agenda, Renata tinha experiência no mercado de festas e identificou novas tendências. “Comecei a empresa vendendo kits personalizados. Há sete anos as pessoas não tinham doces big decorados, maravilhosos. Então, eu pegava esses produtos personalizados e eles eram uma grande decoração. Montava esses kits e vendia para o Brasil inteiro”, lembra.

Mas assim como acontece a maioria dos segmentos, Renata teve de se reinventar. “Vi que o mercado já tinha absorvido os kits de festa. Então comecei a decorar. Minha empresa, a Felicità Festa, é focada em aniversários infantis, mas faço todo tipo de evento”, continua a empresária, que confessa que a “menina dos olhos do seu negócio” é o planejamento das festas, desde o contrato até o pós.

Inspirada por cenas de filmes e outras referências, Renata promove duas festas por fim de semana. E além da Felicità, ela também tem a Mamãe Festeira, que vende kits de festa montados pelas próprias clientes, alternativas de produto para atender clientes que não querem investir tanto quanto numa festa.

Renata Bastos - Felicitá Festas 2

Atendimento

Durante os dois meses em que planeja um evento, Renata se mantém sempre disponível, já que, mais que festas, ela trabalha com sonhos. “As clientes conseguem falar comigo o tempo todo, porque deixá-la ansiosa só vai piorar a situação”, ensina.

A empresária consegue clientes por meio de indicações, interações e divulgação nas redes sociais e também pelas matérias que escreve no blog Felicità Festinha.

Já em relação aos próprios sonhos, Renata quer expandir sua atuação. “Tenho vontade de expandir a empresa para o mercado nacional. Meta: em 2017 ter 30% a mais de clientes, porque não existe objetivo sem número. Este ano, quero expandir para outros estados. Também quero abrir empresa para outras pessoas trabalhares e que eu as ensine a executar as tarefas. Assim, consigo me voltar para o planejamento, que é o que gosto mesmo.”

Deixe uma resposta

Ir para a barra de ferramentas