Voa, Maria – Empreendedorismo Feminino

Babi Hannelore: “Trato o meu cliente como se fosse único”

Home  >>  Estrelas  >>  Babi Hannelore: “Trato o meu cliente como se fosse único”

Babi Hannelore: “Trato o meu cliente como se fosse único”

On Setembro 26, 2016, Posted by , In Estrelas, With No Comments

Conquistar clientes e mercado é uma das principais dificuldades de qualquer empreendedor no início do negócio. E a grande maioria vai à falência devido ao baixo número de vendas. Este problema, no entanto, não é o caso de Bárbara Hannelore, mais conhecida como Babi. À frente da Sucesso Digital e Vem Ser Você, a empreendedora de Belo Horizonte diz que é o segredo para conquistar contratos é a especialização. “Chegar aos seis dígitos em vendas com técnica é fácil. Mas para ir além disso, é necessário investir em networking sim”, pontua.

Mais que investir em contatos, Babi valoriza a confiança dos clientes, já que para ela, cada um é único. “Quero mimar o cliente, fazer com que ele se sinta como nunca foi tratado. Para isso, estou sempre disponível para atendê-lo, até mesmo no fim de semana”, continua ela.

Atualmente radicada em Nazaré Paulista, em São Paulo, Babi Hannelore comanda a Sucesso Digital, empresa de consultoria especializada em lançamentos corporativos em plataformas digitais. Assim, além de identificar a alma do negócio, Babi constrói uma identidade para o cliente e cria campanhas on e offline de vendas.

Segredo do sucesso

Babi conta que desde cedo ela se vê como empreendedora. Aos seis anos perdeu o pai e aos oito começou a trabalhar como professora de particular de matemática para a filha de uma vizinha. Já na adolescência, descobriu-se cantora. Em 2013, concluiu a graduação em Gestão de Saúde pela Universidade Federal de Minas Gerais, já que seu sonho era melhorar e facilitar o sucesso da população da periferia à saúde pública. “Diante da politicagem, me vi impossibilitada”, justifica.

A alternativa, então, foi pegar firme nos empreendimentos próprios, somando toda a expertise que ela acumulou ao longo dos anos. Enquanto a Sucesso Digital é dedicada ao cliente, Babi também atende como coach, cujo diferencial é aliar música ao processo, a fim de inspirar mulheres a tomar as rédeas da própria vida. “Sempre levei uma vida positiva, independente da situação que eu estivesse passando, como o racismo e perda de pessoas queridas, inclusive o meu filho [mãe dos gêmeos Caio e Ravi, Caio faleceu 12 dias após o nascimento]. Coach para mim foi praticar o que eu já praticava na minha vida. E invisto na música porque ela produz efeito ao tocar primeiro o lado emocional das pessoas. Vi na música essa possibilidade de mostrar que podemos ser melhores todos os dias.”

A mudança de servidora pública para empreendedora trouxe à Babi “um nível de felicidade muito maior”, como ela mesma diz. Porém, a maior dificuldade desta transição foi o “mudar o mindset”, para entender que ela é a responsável pelo próprio sucesso. “Para mim, a dica mais importante para quem quer ser dona do próprio negócio é identificar como ela se vê daqui a 10 anos, o que é satisfação e qual é a missão de vida dela”, pontua.

Mudar a vida de mais pessoas é o sonho de Babi, que além de ser feliz, é impactar vidas. “A música me ajuda a empoderar pessoas, que é algo que acho extremamente importante. Se eu soubesse de tudo que sei, teria evitado vários tombos. E ainda vou criar o Instituto Social Vencer Você, voltado para o empoderamento de adolescentes da periferia”, conclui.

Deixe uma resposta

Ir para a barra de ferramentas