Gisele Agata e a arte de eternizar sonhos

Ainda que uma nobre profissão, ser professor no Brasil não é tarefa fácil. Isso porque além da baixa remuneração, os docentes têm de lidar com um número excessivo de alunos em sala de aula e é comum que estrutura das escolas e falta de recursos também sejam mais um problema para o dia a dia.

Diante das adversidades que enfrentou na sala de aula, fatores estes que lhe causaram um grande quadro de estresse, a geóloga Gisele Agata, de Curitiba, Paraná, decidiu somar as experiências que acumulava há anos para criar seu próprio negócio ao lado do marido. Foi assim que, há dois anos e meio, nasceu a Agata Foto e Vídeo. “Devido à questão financeira [durante a faculdade], tive de buscar alternativas para me manter financeiramente. Com uma colega da faculdade, consegui trabalhar nos finais de semana para aumentar a minha renda. Aí conheci o mundo de eventos”, conta.

Antes de pedir exoneração do Estado do Paraná, Gisele conta que enfrentou, por anos, uma jornada tripla de trabalho para realizar os próprios sonhos. “Trabalhava de dia, lecionava à noite e aos finais de semana fotografava eventos”, lembra.

Mudanças

A fim de garantir mais qualidade de vida, a empreendedora curitibana decidiu concentrar seu trabalho apenas na fotografia profissional para casamentos. “A mudança não deixa de ser assustadora. Apesar de a transição definitiva acontecer muito devagar [Gisele já trabalhava há anos na cobertura de festas], com calma, dá um frio na barriga saber que não tem uma renda fixa para pagar suas contas. Mas ao mesmo tempo, esta incerteza dá mais gás.”

Porém, além de trabalhar eternizando o sonho de muitos noivos e noivas, Gisele conta que as vantagens de trabalhar por conta própria são a flexibilidade de agenda e fazer o que gosta. “Sou uma pessoa muito menos estressada do que eu era antes. Essa foi a grande vantagem de tudo. Depois que comecei a trabalhar na Ágata, tudo se tornou mais leve. Fácil não é. Mas é recompensador. Quando alguém estende a mão e fala ‘muito obrigada’, você sabe tudo que passou para chegar naquele resultado”, complementa.

agata-foto-e-video

Diferenciais

O mercado de fotografia profissional, mais que disputado, sofreu grande desvalorização nos últimos anos. Assim, para se destacar no mercado, Gisele aposta no constante investimento em cursos, a fim de acompanhar novas tendências de estilos e aprimorar cada dia mais a qualidade do seu trabalho. Além disso, ela defende também atendimento personalizado. “Procuramos usar muito a questão emocional, se envolver na realidade do casal. O cliente sempre tem que levar mais do que comprou. Com experiência em cerimonial, também oriento os noivos a planejarem o casamento”, pontua.

Outra observação da empreendedora é o impacto da crise na demanda dos seus serviços, visto que, apesar de o fluxo de trabalho cair pouco, o comportamento do cliente mudou. “Antes os noivos nos contratavam com um ano e meio de antecedência. Hoje, por conta da incerteza financeira, nos contratam faltando três meses para o evento”.

Por fim, Gisele conta que tem diversos sonhos, mas como qualquer empreendedor, quer ganhar reconhecimento nacional e até internacional, a fim de expandir sua atuação para fora do Paraná. E para quem, como ela, quer se consolidar como empreendedora, ela aconselha muito estudo e pesquisa. “A empreendedora tem que adiantar as tendências. Sem pesquisa, ela não vai conseguir isso”, finaliza.

Profile photo of Camila Silva

About Camila Silva

Jornalista especialista em contar histórias de superação. Feminista, sonha em criar um mundo mais igualitário e justo para as mulheres por meio da informação. Além do Voa, Maria, está à frente da Maria Comunica, agência de comunicação pautada por resultados e relacionamento.