Voa, Maria – Empreendedorismo Feminino

Karla Aprato conta como abriu consultoria de carreira com apenas US$ 10

Home  >>  Estrelas  >>  Karla Aprato conta como abriu consultoria de carreira com apenas US$ 10

Karla Aprato conta como abriu consultoria de carreira com apenas US$ 10

On Outubro 11, 2016, Posted by , In Estrelas, With No Comments

Muitas vezes, empreender não é uma ação completamente planejada. A oportunidade de criar o próprio negócio, com propósito e pautado naquilo que você ama fazer, surge espontaneamente. Foi assim que a gaúcha Karla Aprato descobriu sua vocação para ter o próprio negócio. Pedagoga com pós-graduação em Gestão Estratégica de Pessoas e especialista em técnicas de seleção e recrutamento, ela recebia diversas perguntas sobre o que fazer e como se portar para conseguir uma recolocação no mercado de trabalho. E foi assim que decidiu, três anos atrás, investir em blogs voltados para este nicho.

Antes do Karreira.com, seu mais recente projeto, Karla já exerceu diversas profissões, como vendedora, gerente, analista administrativa e professora. “Entrei no mercado de trabalho aos 16 anos e até maio ainda trabalhava em regime CLT. Mantive por três anos uma jornada dupla, de 44 horas semanais e mais meu negócio online, o que me exigia e ainda exige muita disciplina. Depois de muito planejamento, saí do emprego e posso cuidar apenas do meu negócio. Muitas pessoas me apoiaram, outras ficaram assustadas, afinal, o mercado está em uma situação bem difícil, e eu atuava em uma empresa de grande porte há 12 anos. Para alguns foi loucura. Para outros, uma grande realização. Para mim foi a realização de um sonho”, conta ela.

Confira a íntegra deste bate-papo com o Voa, Maria:

Voa, Maria: Quando e por que decidiu investir no seu próprio negócio?

Karla: O empreendedorismo na vida começou quando percebi que muitas pessoas me perguntavam sobre o que e como escrever um currículo, como se vestir, como se comportar durante uma entrevista de emprego, entre outras. Então, percebi que as perguntas eram sempre parecidas e, em 2012, criei o blog karlaaprato.com, em que ainda escrevo sobre dicas relacionadas ao mercado de trabalho. Comecei como um passatempo, ou melhor, como ócio criativo e, como tudo o que é bom, começa pequeno e quando a gente menos espera, se transforma naquilo que a gente sempre quis fazer e não sabia. Nunca imaginei que minhas dicas atingiriam tantas pessoas e nem que os artigos do blog seriam publicados em renomados jornais e sites. Com os posts no blog começaram a surgir outros convites, e a cada palestra o sentimento de realização e gratidão só crescia. Foi quando decidi criar o site www.karreira.com como serviço. Hoje o site tem aproximadamente 20 mil acessos por mês.

VM: Qual é a sua empresa e quais são os diferenciais do Karreira.com?

Karla: O mundo vive em constante mutação, e as empresas estão inseridas nesse cenário extremamente dinâmico e turbulento que exige maior agilidade e adaptação de todos. O recrutamento de profissionais faz parte dessa evolução e ocorre com mais frequência via internet, criando assim uma nova cultura que permite o encontro entre profissionais e empresas no menor tempo e custo possível. Pensando nisso, criei o site Karreira.com, uma consultoria de carreira online, com foco na elaboração de currículo e perfil no Linkedin. Como fazemos? Trabalhamos de forma personalizada. Para cada cliente são elaboradas estratégias de acordo como o objetivo do mesmo. Criamos estratégias na construção ou melhoria da identidade profissional, juntamente com planejamento de marketing pessoal nas redes sociais, para conectar o currículo profissional a imagem digital nas redes sociais, conectando o profissional de maneira que ele encontre e seja encontrado para a vaga ou cargo que busca.

VM: Como se preparou para investir no seu próprio negócio (fez cursos? Mentoria/ coaching?)

Karla: Karreira.com foi criado há três anos, e há três anos os negócios online ainda eram uma novidade. Então, tive a sorte de ter três grandes amigos que acreditaram e apoiaram a ideia e foram chave para a criação do Karreira, dois deles empreendedores e da aérea da informática e uma grande amiga publicitária, que criou a identidade visual. Também participei de muitas palestras e cursos sobre empreendedorismo (presenciais e online) e li muitos e-books sobre marketing digital, e ainda estudo bastante.

VM: Quais vantagens o empreendedorismo oferece?

Karla: Empreendedorismo vem do francês e significa: amigo do risco. Penso que empreendedorismo é estilo de vida, que te oferece liberdade em troca de disciplina e ousadia. Muitas pessoas pensam que ser empreendedor é não ter chefe, grande engano! Pois todos os seus clientes são chefes. Empreender é assumir risco diários.

VM: Como sua vida mudou desde que decidiu empreender?

Karla: Empreender é brincar com a criatividade, é inovar, recriar. Empreender é vida. Posso dizer que minha vida ficou muito mais colorida e feliz depois que comecei a empreender, apesar de todos desafios diários. E hoje que atuo apenas no meu negócio posso dizer que a liberdade é sem igual.

VM: Quais são os desafios para consolidar o seu negócio?

Karla: Apesar dos três anos, ainda tem muita coisa quero fazer e implementar no site, como um banco de currículo, parcerias com empresas de Recursos Humanos, entre outras.

VM: Qual foi o seu capital inicial e como conseguiu levantá-lo?

Karla: Acredite foi apenas 10 dólares, valor referente ao registro do domínio do site. O resto eu aprendi a fazer, até porque eu não tinha capital para investir e também não sabia se iria dar certo, era tudo muito novo. Então, aprendi a fazer um site e como estudava muito sobre estratégias comecei a ir aplicando tudo aprendia no meu site e fanpage que chegou a 2 mil curtidas sem nenhum anúncio pago, apenas usando estratégia.

VM: Quais dicas daria às outras mulheres que sonham em ter o próprio negócio?

Karla: Eu daria 4 dicas: 1 – O que importa é dar o primeiro passo e muitas vezes as pessoas não entendem que esse primeiro passo só depende delas; 2 – Não abra um negócio apenas para ganhar dinheiro. Ame o que faz, porque os desafios de empreender são diários e só amando muito o que faz para não abandonar; 3 – Estude e pesquise seus concorrentes; 4 – Faça um Canvas (modelo de negócios simples) de sua ideia. Às vezes, sonhamos com algo que não tem como dar certo, ou que deu certo por um tempo e agora não mais. É frustrante, eu já passei por isso, e já tive que mudar o foco do meu negócio. Mas quando colocamos no papel tudo fica mais claro, e vemos o que precisa ser melhorado. Empreender não é um trilho rígido, e sim uma trilha que pode ser modificada conforme o andamento do seu negócio.

VM: Qual é o seu sonho?

Karla: Ajudar o maior número de pessoas, através do site, palestra e e-book. Ainda tenho um longo caminho pela frente, mas continuo cheia de ideias e com muita motivação para lutar pelo o que eu acredito com disciplina, paixão e alegria.

VM: Qual é a importância do intra-empreendedorismo para que um profissional conquiste uma boa colocação no mercado como executivo?

Karla: Empreender não está relacionado apenas a abrir um negócio, envolve uma melhoria ou inovação que pode ser feita no ambiente corporativo. Eu mesma atuei por 12 anos dentro de um ambiente corporativo e nesse período criei muitos projetos e melhorias que podem ser aplicados em outras empresas. Claro que para aplicar as ideias empreendedoras, é preciso verificar se a cultura da empresa apoia e dá essa abertura para o profissional. Penso que um dos comportamentos mais importantes do empreendedor corporativo é atuar como dono da empresa, por mais que ainda tenha muitos degraus para subir, fundamental é se sentir parte da empresa e saber que você pode ser um transformador e inovador da empresa em que trabalha. Essa postura fará você crescer profissionalmente e seus gestores enxergarão em você não apenas um funcionário, mas um parceiro.

VM: Tem alguma pergunta que não fiz mas que vc gostaria de acrescentar?

Karla: Como recarregar as energias, sendo que todo empreendedor tem uma vida muito agitada e uma agenda sempre cheia: sempre consigo um tempo fujo para escalar, correr, brincar de slackline, praticar boxe ou pegar um pôr do sol, hobbies dos quais não abro mão, porque revigoram meu espírito inquieto.

Deixe uma resposta

Ir para a barra de ferramentas