Norma Côrtes: A empreendedora mais fofa da internet

Uma das principais dicas para quem quer vender produtos na internet é investir no marketing digital, estratégia em que uma das ferramentas é o vídeo, para o qual você tem de ter carisma, objetividade e simpatia. Estas três características Norma Côrtes tem de sobra. Afinal, com apenas um vídeo, ela já vendeu diversas unidades do seu produto para pessoas não só de São Paulo, mas também do interior e de outros estados.

Clique na imagem para assistir ao vídeo.

Não é só nas redes sociais que Norma vende não. Se vai, por exemplo, ao banco, ela conquista até as atendentes. “Meu segredo: gosto muito de viver. Gosto muito das pessoas. Amo a vida. Tenho uma família linda e amigos de muitos, muitos anos, que é uma coisa maravilhosa. Este é um ponto muito importante da minha vida”, revela.

Trajetória profissional

Natural de São Paulo, Norma conta que era uma criança superdotada. Aos 8 anos, já era dona da biblioteca da escola e realizava serviços domésticos. Mas na hora de escolher sua profissão, optou pelo magistério. “Dei uma aula no primeiro semestre que foi ótima. No segundo semestre, fiz uma aula horrorosa, não dominei a classe. Não queria aquele tipo de professora para os meus filhos”, lembra.

Ao desistir do magistério, Norma então apostou em um curso de datilografia e conseguiu um emprego como recepcionista em uma multinacional americana. “Fiquei só oito meses, pois fui sendo promovida até virar secretária executiva trilíngue de diretores de multinacionais. Uma vez, trabalhava com um executivo que não falava bem português e esqueceu o espanhol. Fiz a minha empresa pagar um curso de espanhol para mim e em seis meses eu já estava respondendo as ligações e mensagens por ele.”

Mesmo aposentada, ela ainda trabalhou por muito tempo como secretária executiva, cobrindo férias e licença-maternidade, até que, sem querer, encontrou uma nova forma de trabalhar. “Não gosto da ociosidade. Não sei ficar parada. Gosto de coisas que me façam sentir útil, me sinta capaz. Faço treinamentos online e leio todos os e-books que posso”, continua.

Venda direta

Aos 67 anos, Norma conheceu a Mary Kay. “Depois de 15 dias usando os produtos, as pessoas viram que minha pele estava melhor. Estava em uma festa e, mesmo sem ser da empresa, vendi R$ 1000 em produtos.”

Norma foi convidada para ser consultora e, em 10 anos de trabalho, formou uma diretora e mais de 120 consultoras. “A maior dificuldade que você encontra mesmo é se aproximar das pessoas e falar dos produtos. E isso eu não tenho. Sou cara de pau, falo com todo mundo”, diverte-se.

Um problema de saúde do marido – com quem Norma é casada a 56 anos e que apoia em tudo – fez com que a empreendedora perdesse posições na Mary Kay. “Estava acompanhando o meu marido, mas empresas não querem saber se você tem um problema.”

Recomeço

A saída então foi apontada por uma amiga, que recomendou a L’Bel, marca pela qual ela está encantada. “Tem tudo o que eu queria”, acrescenta.

Empreendendo na L’Bel desde junho, Norma agora sonha em voltar a liderar grandes equipes. “Quero ajudar outras mulheres a ganharem dinheiro”, conta a jovem de 45 anos, que tem 78 apenas no RG.

E quando não está trabalhando, Norma está divulgando a banda Breque de Bamba, grupo formado por executivos que têm a música como hobby e no qual ela desempenha o importante papel de animadora.

Facebook Comments
Camila Silva

About Camila Silva

Jornalista especialista em contar histórias de superação. Feminista, sonha em criar um mundo mais igualitário e justo para as mulheres por meio da informação. Além do Voa, Maria, está à frente da Maria Comunica, agência de comunicação pautada por resultados e relacionamento.