Estrelas

Da engenharia para a organização, a trajetória de Gabriela Junqueira

Engenheira ambiental pós-graduada em Meio Ambiente e Saneamento Ambiental, Gabriela Junqueira, 27 anos, teve de se reinventar diante da crise no Brasil. Mesmo com experiência em empreendimentos urbanos sustentáveis, ela decidiu mudar de área e empreender. A saída? Recuperar uma paixão antiga: a organização.

Foi nesta busca que ela encontrou o curso de personal organizer, profissão pela qual se apaixonou e agora desemprenha em Juiz de Fora, Minas Gerais, cidade onde nasceu e cresceu. Conheça a íntegra da trajetória desta empreendedora, que sonha em ser referência em organização no Brasil.

Voa, Maria: Quais as vantagens de empreender?

Gabriela Junqueira: A vantagem de ter meu próprio negócio é trabalhar com o que eu gosto, ter autonomia, transmitir meus valores e alcançar meus objetivos.

Voa, Maria: E os desafios que encontrou para criar o próprio negócio?

Gabriela Junqueira: A dificuldade é o reconhecimento dessa profissão. Muitos ainda não sabem o que é uma Personal Organizer, o que ela faz e quais benefícios de se ter um ambiente organizado.

Voa, Maria: Como superou estes desafios?

Gabriela Junqueira: Busco, através das minhas redes sociais, mostrar o meu serviço, o que faço, minha missão e os benefícios de se contratar uma Personal Organizer.

Voa, Maria: Personal organizer ainda é um serviço desconhecido para a maioria das pessoas. Conte mais sobre os benefícios que você proporciona.

Gabriela Junqueira: Para muitos, contratar uma Personal Organizer pode ser encarado como luxo ou como frescura, para outros é trazer produtividade e qualidade de vida. A profissão de Personal Organizer vai mais além do que apenas organizar guarda roupas. Ela organiza os ambientes de acordo com cada cliente, conforme a rotina e o gosto de cada um. Não existe uma regra na organização. Um ambiente organizado aumenta a produtividade e a agilidade, reduz conflitos entre moradores ou colegas de trabalho, facilita na limpeza, traz economia no orçamento, harmonia no ambiente e bem estar.

Voa, Maria: Quais são os diferenciais do seu negócio?

Gabriela Junqueira: Tento deixar a organização o mais prática possível para o cliente. Não busco as dobras perfeitas como muitas fazem, pois no dia a dia ninguém tem tempo para isso. No final da organização, dou um mimo para a cliente.

Voa, Maria: Como é sua estratégia de divulgação dos serviços e como faz a captação de novos clientes? Indicações?

Gabriela Junqueira: Divulgo os meus serviços nas redes sociais, muitos procuram por meio destas, além das indicações. A melhor propaganda é o boca a boca.

Voa, Maria: Vi que você faz um trabalho muito bonito nas redes sociais. Qual a importância das redes sociais no seu negócio?  Elas resultam em venda?

Gabriela Junqueira: Acho que as redes sociais são ferramentas essenciais hoje em dia. Elas me ajudam a conquistar clientes e na venda dos meus produtos organizadores. As pessoas têm procurado profissionais e produtos como referencias por meio do Facebook e Instagram.

Voa, Maria: Vi também que você oferece cursos de organização. Como você avalia esse mercado? Está em crescimento?

Gabriela Junqueira: Tenho um projeto de dar cursos sobre organização daqui a algum tempo. No momento, dou workshop sobre dicas de organização na loja Camicado de Juiz de Fora. É uma área que vem crescendo muito. Muitas capitais já disponibilizam diversos cursos.

Voa, Maria: Quais dicas você daria para as mulheres que, como você , sonham em ter o próprio negócio?

Gabriela Junqueira: Para ter o próprio negócio e conquistar o mercado o segredo é não desistir do sonho, não se importar com o que pensam e falam de você e fazer sempre o que o coração manda.

Voa, Maria: Para você empreendedor é….

Gabriela Junqueira: Para mim, empreender é ter o próprio negócio, atender as necessidades dos clientes, liderar, administrar e usar a criatividade para ser diferenciado.

LEAVE A RESPONSE

Jornalista especialista em contar histórias de superação. Feminista, sonha em criar um mundo mais igualitário e justo para as mulheres por meio da informação e do empoderamento econômico.