Colunistas

Empreendedorismo, enfermagem e qualidade de vida: tudo isso é possível?

Meu nome é Dayana Manoel, mãe de três, esposa, enfermeira e empreendedora. Atuei durante dez anos no ambiente hospitalar. Minha jornada como empreendedora começou quando estava grávida do meu segundo filho, em uma gestação de risco em que precisei me afastar do hospital que até então trabalhava. Meu marido era empreendedor e estava iniciando uma agência de comunicação e marketing nesse mesmo período. Durante o tempo que fiquei afastada da área de enfermagem, contribuí com ele nas atividades da agência, comecei a gostar desse novo universo. Mesmo que atuando de forma passiva, era um mundo novo pra mim, mas foi ai que despertou a vontade de fazer algo diferente.

Ao chegar o momento de voltar à rotina pós-licença maternidade, me deparei com o seguinte questionamento: volto para o ambiente hospitalar, com toda a jornada pesada da carga horária, deixando meu filho ser criado por terceiros ou encaro de vez esse novo desafio e começo a empreender com meu marido, podendo assim criar minha própria rotina de trabalho, participando de todas as fases do crescimento e desenvolvimento do meu filho com tão sonhada qualidade de vida?

Aceitei o desafio. Fui buscar conhecimento com a especialização em gestão de projetos para assumir um cargo na agência onde atuei de 2012 até 2018. Aliás, gerir projetos é algo muito semelhante com todo o conteúdo de gestão que aprendemos na graduação em enfermagem.

Reposicionamento no mercado

Ao longo do tempo tive mais um bebê, que nasceu em 2015, uma menina. Hoje consigo fazer minha própria rotina de trabalho, acompanhar cada fase de crescimento dos meus filhos como sempre sonhei, posso viajar sem ter que esperar um ano ou mais para tirar férias e estar aos finais de semana com a minha família. Em resumo, o que quero dizer é que hoje tenho liberdade e a qualidade de vida que sempre desejei, o que não aconteceria caso ainda estivesse trabalhando no hospital.

Como consegui isso? Se disser que foi fácil estarei mentindo, pois é um trabalho árduo, moroso, exige esforço, dedicação, estudo, coragem, confiança e bastante determinação.

Por esta razão criei o Inova Nurse que é um projeto para auxiliar profissionais de saúde, principalmente enfermeiros, a identificarem novas oportunidades de carreira e negócios que permitam melhor qualidade de vida, propósito e renda, ajudando pessoas a trilharem esse caminho de forma segura e organizada baseado na minha experiência real de transformação.

O processo de transição de carreira dentro da área de enfermagem àqueles que desejam empreender não é uma tarefa fácil, mas com dedicação, estudo e, principalmente, foco nas suas escolhas, este profissional conseguirá alcançar resultados que podem superar suas próprias expectativas.

Atualmente o Brasil possui 493.893 enfermeiros, segundo o Conselho Federal de Enfermagem  (Cofen), 123.370 somente em São Paulo. De forma crescente, o enfermeiro tem tomado para si responsabilidades diversas dentro das instituições de saúde, como gestão hospitalar, controle de materiais, o gerenciamento de leitos, a supervisão da higienização e dos recursos humanos. Essa atuação faz com que os enfermeiros tenham uma visão privilegiada das carências e oportunidades existentes no setor.

Já foi o tempo em que os profissionais de enfermagem só podiam escolher entre trabalhar em instituições de saúde ou escolas. Nos últimos anos, surgiram centenas de oportunidades atuação em diferentes escopos, abrir o próprio negócio é uma deles.

Para sair do 0

Tudo que escrevi até agora faz sentido pra você?  Se quiser realmente mudar sua vida, peço que faça um breve exercício.

  1. Anote num papel todos os problemas ou oportunidades que você observa na área da saúde.
  2. Veja qual desses problemas ou oportunidades você tem mais aptidão para resolver e pense em soluções práticas para cada um deles.
  3. Selecione apenas as três ideias que você acredita ter maior potencial de mercado e acrescente ao menos cinco justificativas para cada um delas.

Após esse breve exercício você terá feito de maneira muito simples uma análise de oportunidades existentes que você poderá empreender. Caso ainda tenha dúvidas sobre sua capacidade empreendedora, estou à disposição para compartilhar toda minha experiência com você e ajudar no processo de transição.

LEAVE A RESPONSE

Jornalista especialista em contar histórias de superação. Feminista, sonha em criar um mundo mais igualitário e justo para as mulheres por meio da informação e do empoderamento econômico.